Agrosmart e AirScout anunciam parceria para imagens aéreas na agricultura

A Agrosmart, plataforma de agricultura digital líder na América Latina, anuncia parceria de integração com a AirScout Brasil, empresa norte-americana líder em Gestão Proativa de Cultivo, para fornecer imagens multiespectrais em alta resolução das plantações. O objetivo da parceria é trazer informação relevante para auxiliar produtores rurais na tomada de decisão e gestão da lavoura durante a safra por meio do monitoramento através de imagens aéreas.

A integração das imagens da AirScout com a plataforma da Agrosmart utiliza algoritmos de machine learning para realizar análises preditivas durante as safras. Por meio do sistema, que pode ser acessado por computador ou celular, o agricultor tem acesso a todas as imagens da lavoura em até 24 horas, com tratamento entre outros, ADVI (Índice de Vegetação Digital Avançado) e Térmico, a qual eleva a outro patamar a capacidade em identificar antecipadamente possíveis problemas na lavoura com precisão, reduzindo custos e o risco de perdas de produtividade da safra, além de melhorar o controle fitossanitário.

“Essa parceria vai de encontro com o nosso DNA de oferecer aos nossos clientes inovações tecnológicas e sustentáveis, utilizando a integração de dados para resolver algum tipo de gargalo na agricultura. Por meio de captação por aeronave tripulada, é possível aumentar a agilidade e o rendimento no processo de coleta de imagens em toda a propriedade e evitar que haja algum tipo de dano na lavoura”, explica Raphael Pizzi, co-fundador e diretor de novos produtos da Agrosmart.

O sistema da AirScout permite entender o comportamento das plantas, bem como solos descobertos, utilizando como parâmetro as variações de temperatura. Com isso, o sistema capta condições de estresse, seja hídrico ou por insetos e pragas de forma precoce. Dessa forma, é possível ter um diagnóstico mais assertivo no controle das culturas e no entendimento das variabilidades na fazenda.

”Muitos benefícios já são obtidos mediante o uso de imagens aéreas na agricultura moderna. Acredito que agregando nossas informações com outras fontes de dados, como é o caso das “layers”, geradas pela Agrosmart será possível entender como planta, solo e clima estão interagindo entre si e dessa forma entregar informações mais valiosas e no “timing” correto para a tomada de decisão eficiente do produtor rural”, finaliza Lucas Rozas, Agrônomo da AirScout.

(Fonte: Assessoria de Imprensa)