Em SP, evento da ONU Mulheres vai abordar o empoderamento feminino

No Dia Internacional da Mulher, a ONU Mulheres comemora o fato de as 158 empresas brasileiras signatárias destes princípios estarem tendo uma performance positiva no que diz respeito à empregabilidade de suas colaboradoras. Segundo a gerente dos Princípios de Empoderamento da ONU, Adriana Carvalho, esse quadro mostra um contraste com a queda de 12,6% para 11,1% da participação feminina na indústria brasileira de 2004 a 2014, de acordo com dados do IBGE.

 

Os Princípios de Empoderamento têm o intuito de orientar as empresas a promoverem a igualdade de gênero em todas as instâncias do negócio, incluindo a cadeia de valores a as comunidades onde atuam. Ao se tornarem signatárias, as organizações assumem publicamente o compromisso com essa agenda e passam a fazer parte de uma rede local e global da ONU Mulheres e do Pacto Global da ONU.

 

São sete os princípios em questão:

1 – Estabelecer liderança corporativa de alto nível para a igualdade de gênero;

2 – Tratar todos os homens e mulheres de forma justa no trabalho – respeitas e apoiar os direitos humanos e a não discriminação;

3 – Garantir a saúde, segurança e bem-estar de todos os trabalhadores e trabalhadoras;

4 – Promover a educação, a formação e o desenvolvimento profissional das mulheres;

5 – Implementar o desenvolvimento empresarial e as práticas da cadeia de suprimentos e de marketing que empoderem as mulheres;

6 – Promover a igualdade através de iniciativas e defesa comunitária;

7 – Mediar e publicar os progressos para alcançar a igualdade de gênero.

Adriana Carvalho falará sobre o empoderamento das mulheres na indústria brasileira durante o Encontro de Líderes da Mecânica Manufacturing Experience, que ocorre de 24 a 27 de abril no Expo Center Norte, em São Paulo. Mais informações podem ser encontradas no site www.mecanica.com.br

(Fonte: Assessoria de Imprensa)