Pinhalense celebra comercialização de colheitadeiras na Expocafé

A Pinhalense aproveitou a Expocafé 2018 para fazer entrega de equipamento vendido a cliente da própria cidade da feira, Três Pontas. No primeiro dia do evento, Alexandre Pereira visitou o estande da fabricante de Espírito Santo do Pinhal – o maior da Expocafé – para receber a chave de sua Colheitadeira P1000 diretamente das mãos do presidente Reymar Coutinho de Andrade e do coordenador de vendas, Cláudio Nogueira.

“Hoje em dia ter uma colheitadeira assim é uma necessidade, é um investimento de ótimo custo-benefício para o médio e grande produtor. A colheita mecanizada é uma realidade no Sul de Minas, considerando que a mão de obra para colheita é cada vez mais escassa e difícil, além de não ser fácil alugar um equipamento desse porte, também pela dependência que o produtor passa a ter do prestador de serviço. A Pinhalense apresentou condições bem favoráveis para mim”, disse produtor da Fazenda Laje, de médio porte, que também cultiva soja e milho em sua propriedade. Ele é engenheiro agrônomo e presta assessoria técnica a produtores da região.

As colheitadeiras P1000 e P1000 TR (tracionada) estiveram entre os destaques da Pinhalense na feira, ocorrida no Sul de Minas Gerais. Os equipamentos se sobressaem pelo custo-benefício, como já comprovado na última edição da feira Agrishow, em Ribeirão Preto (SP), quando a Pinhalense superou suas expectativas em termos de negócios envolvendo esse tipo de maquinário.

(Fonte: Assessoria de Imprensa)