CompareComparando...

FPT apresenta gerador movido a biometano e novos motores de baixa emissão

A FPT Industrial apresentou durante a Agrishow 2019 uma linha de aplicações e serviços para o agronegócio. Um ano depois de lançar na feira de Ribeirão Preto (SP) sua nova linha nacional de geradores de energia, de 30 kVA a 700 kVA de potência, para as mais diversas aplicações, a marca mostra o gerador movido a Biometano e Gás.

A empresa tem longo histórico de desenvolvimento de motores movidos a gás, totalizando mais de 40 mil unidades comercializadas, com uma gama que varia de 3.0 a 12.9 litros de cilindrada e potências de 100 a 338 kW (460cv), em diversas aplicações. No segmento de geração de energia, a FPT Industrial tem ampla experiência, com mais de 400 mil unidades à diesel comercializadas em todo o mundo desde 1989.

O novo motor FPT S8000 com a certificação MAR-I/TIER 3 para tratores com potência de até 75 kW (101 cv) foi apresentado no estande da New Holland Agriculture. O lançamento equipa os tratores TT55, TL5.80 e TL5.100 da marca, além dos tratores Case IH Farmall 80, Farmall 90 e Farmall 100. No estande da Case IH é exposto o motor FPT Cursor 9, que equipa os tratores Magnum da marca, e New Holland Agriculture T8. O motor FPT F1A do novo Ducato esteve presente no estande da Fiat.

Um a cada quatro tratores vendidos no Brasil é movido por motores da FPT, o que demonstra a força da FPT Industrial, preparada para atender os diversos requisitos do agronegócio. Tudo com o suporte da Rede de Distribuidores Masters, presente em todo o Brasil na reposição de peças genuínas, serviços especializados e assistência técnica de qualidade.

“Os planos da FPT Industrial para 2019 são de expansão das vendas, ampliação dos negócios em todos os segmentos e maior presença por meio da nova rede de distribuidores. A FPT Industrial produz seus motores no Brasil e na Argentina e está preparada para atender os diversos requisitos dos mercados latino americanos”, afirmou o presidente da FPT Industrial América do Sul, Marco Rangel.

A FPT Industrial já disponibiliza geradores à diesel de 30 kVA a 700 kVA, produzidos no Brasil, nas versões cabinada e aberta. O lançamento foi anunciado na Agrishow de 2018 e, de lá para cá, além do portfólio e da rede de distribuidores que cobre mais de 85% do território nacional, a marca oferece a possibilidade de compra de geradores por meio da modalidade consórcio.

A novidade da FPT Industrial na Agrishow 2019 foi o gerador de energia movido a gás, tecnologia que pode ser abastecida com Biometano, Gás Natural Comprimido (CNG) e Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), em sistemas de baixa e alta pressão. A tecnologia simboliza a transformação energética em operações como fazendas e aterros sanitários, possibilitando independência ao produtor rural.

Equipado com o motor FPT NEF6, o gerador movido a Biometano e Gás difere dos geradores movidos a diesel pelo sistema de injeção, que utiliza a tecnologia estequiométrica multiponto, otimizando a combustão e permitindo um menor consumo de combustível associado a uma performance estável e otimizada para a geração de energia.

Entre as principais vantagens destacamos a possibilidade de operação com o Biometano, uma fonte renovável de combustível que possibilitará um menor custo de operação, além disto é um equipamento mais silencioso e com menos emissões, comparado aos geradores tradicionais movidos a diesel.

O Biometano é produzido a partir Biogás de resíduos (Biodigestão) para a produção de eletricidade na operação do agricultor, além de poder se tornar uma fonte elétrica extra para abastecer as comunidades locais com baixo custo.

“A geração de energia a gás tornou-se uma opção extremamente vantajosa para produtores que investem alto em tecnologias sustentáveis para aumentar a produtividade e reduzir os custos de operação”, afirma o especialista de Marketing Produto da FPT Industrial, André Faria.

FPT S8000 MAR-I/TIER 3

O novo motor FPT S8000 traz a certificação MAR-I/Tier 3 de emissões para tratores com potência igual ou superior a 19 kW (25 cv) até 75 kW (101 cv), em vigor a partir de 2019, entregando alto torque em baixas rotações e baixo nível de ruído, além de menor consumo, manutenção simples e econômica. Em relação à versão anterior, o novo motor emite até 60% menos poluentes.

Apresentado durante a Agrishow 2019 no estande da New Holland Agriculture, o FPT S8000 equipa o novo trator TT55, na configuração 2,9 litros turboalimentado, além dos novos TL5.80 e TL5.100, na configuração 3,9 litros turboalimentado. Na linha Case IH, o motor da FPT Industrial está presente nos novos Farmall 80 (configuração 2,9 litros turboalimentado), Farmall 90 e Farmall 100 (configuração 3,9 litros turboalimentado).

“O FPT S8000 se destaca pelo desempenho e simplicidade. Com turbocompressor de alta eficiência e bomba mecânica de injeção de combustível, proporciona alta densidade de potência para as condições mais severas do campo. A fácil manutenção torna a operação do agricultor ainda mais eficiente”, afirma André Faria.

Desde 2015 a FPT Industrial realiza investimentos significativos no desenvolvimento da tecnologia e preparação das unidades para a produção dos motores MAR-I/Tier 3. A otimização e melhorias dos processos levaram as fábricas de Sete Lagoas (MG) e Córdoba, na Argentina, a obter, em 2016 e 2018, as certificações do World Class Manufacturing (WCM), sistema da CNH Industrial estruturado na melhoria contínua, projetado para eliminar desperdícios e perdas do processo de produção.

FPT CURSOR 9

De 8,7 litros e seis cilindros, o FPT Cursor 9 foi projetado para entregar o máximo de potência e eficiência com baixo consumo de combustível. O motor equipa os tratores Magnum, da Case IH, e T8, da New Holland Agriculture. A potência para essa aplicação varia de 250 cv a 385 cv, de acordo com a versão.

Desde o ano passado o FPT Cursor 9 é produzido na fábrica da FPT Industrial em Córdoba. A planta é responsável pela usinagem e fabricação de motores das séries NEF e Cursor para os segmentos on-road, off-road, marítimo e de geração de energia.

FPT F1A

O novo Fiat Ducato é equipado com a última geração do motor FPT F1A, de 2,3 litros, produzido pela FPT Industrial em Sete Lagoas (MG). Um dos produtos mais vendidos pela marca no mundo, a nova geração de propulsores é resultado de mais de 35 anos no desenvolvimento de motores para veículos comerciais leves e foi desenvolvida seguindo todos os critérios de máximo rendimento, conforto e confiança.

Na versão que equipa o novo Fiat Ducato, o F1A ficou ainda mais potente, gerando 130 cv. Vibrações e ruídos são até 5 db inferiores em relação a seus principais concorrentes – aumentando diretamente o conforto e a segurança do motorista durante o ciclo de trabalho. Equipado com a nova transmissão de seis marchas, o regime do motor foi ajustado, melhorando sua eficiência nas ruas e estradas e diminuindo ainda mais o consumo de combustível.

Os motores F1A dispõem de injeção Common Rail de última geração, quatro válvulas por cilindro, sistema de válvula hidráulica que dispensa manutenção, e sistemas de admissão de ar avançado. A distribuição de potência e torque é feita de maneira inteligente para que o desempenho e a economia de combustível ocorram em qualquer situação. O sistema EGR, que recircula os gases de escape, é a melhor solução disponível para manter as emissões dentro dos limites estabelecidos pelas normas Proconve L6/Euro 5.

Os visitantes da Agrishow 2019 também sentem a emoção de pilotar uma lancha de alto desempenho no simulador marítimo do estande da marca. O percurso virtual reproduz o recorde de velocidade mundial na água, alcançado em 2017 com o motor FPT Cursor 16.

A marca histórica, reconhecida pelo Guinness World Records, foi registrada no Lago Como, na Itália, quando a lancha do campeão mundial Fabio Buzzi atingiu uma velocidade de 277,5 km/h – cerca de 25,5 km/h a mais do que o recorde anterior. O Cursor 16, geralmente utilizado em aplicações agrícolas, foi convertido em um motor marítimo capaz de gerar mais de 1.720 cv de potência.

(Fonte: Assessoria de Imprensa)