Vice-presidente da Fendt destaca importância da chegada da marca ao Brasil

O vice-presidente da AGCO/Fendt, Peter-Josef Paffen, destacou na coletiva global de imprensa realizada no início deste mês, em Marktoberdorf, na Alemanha, o crescimento da companhia a nível mundial e a importância da chegada da marca ao Brasil.

A empresa que é uma das principais fabricantes de tratadores e colheitadeiras no mundo quer expandir sua atuação em todas as regiões com agricultura moderna e estruturas agrícolas correspondentes. Segundo Peter-Josef Paffen, a introdução da Fendt no mercado brasileiro, no final de abril na Agrishow, é o exemplo mais promissor dessa expansão.

“Começamos este ano na região de Mato Grosso, com os modelos top de linha da série Fendt 1000 Vario. Em 2020, marcaremos presença também com a colheitadeira de grande porte Fendt IDEAL e a nova plantadora dobrável inteligente com 18 metros de largura, a Fendt Momentum. A nova equipe da Fendt no Brasil, altamente motivada, já fechou cerca de duas dúzias de encomendas na Agrishow. Está assim iniciada a nossa entrada no mercado brasileiro e estamos confiantes que ainda poderemos cativar muito clientes com a tecnologia exclusiva Fendt”.

A nível mundial a marca conseguiu voltar a aumentar o número de unidades e a sua quota de mercado na Europa, tanto no segmento dos tratores, como também em todo o Programa Fendt Full Line.

“Com a nova série 900 Vario, esperamos registar um novo crescimento também na América do Norte. A chegada da Fendt IDEAL no mercado também teve uma ótima recepção. Em resumo, obtivemos um desenvolvimento realmente bom para a Fendt na América do Norte, com potencial de crescimento”.

O vice-presidente da Fendt ainda destacou que a área de pesquisa e desenvolvimento é prioridade e um dos pilares de desenvolvimento da marca que tem como meta comercializar 20.000 tratores em 2020.

“Trabalhamos diariamente com o intuito de, também no futuro, continuarmos a surpreender e a cativar os nossos clientes com produtos atrativos. O início da entrada da Fendt no mercado brasileiro este ano, o aumento dos volumes de vendas na América do Norte e na região da Ásia/Pacífico/África e o crescimento da participação de mercado em toda a Europa, mostram claramente que estamos no caminho certo”, afirmou Paffen.

(Fonte: Assessoria de Imprensa)